PAUSA PARA UM PAPINHO #8

Oi pessoal, tudo bem com vocês? : )
Esse começo de ano estou com vontade apenas de assistir filmes oitentistas e noventistas não me perguntem o porque! hahaha Acho que é porque gosto de filmes nostálgicos, que me remetem à infância sabe?! Vou citar aqui, três deles que assisti recentemente:

event-featured-Barbara-McMinis-1507672548-horz.jpg

Beetlejuice (Os Fantasmas Se Divertem) 1988 – Barbara Maitland (Geena Davis) e Adam Maitland (Alec Baldwin) morrem após o carro deles cair em um rio. Logo após o acidente eles se vêem como fantasmas que não podem sair da sua casa de campo na Nova Inglaterra, pois antes que possam ganhar suas asas têm que ocupar a casa como fantasmas pelos próximos cinqüenta anos. A paz é rompida quando Charles (Jeffrey Jones) e Delia Deitz (Catherine O’Hara), um casal de novos-ricos, compra a casa. Mas os Maitland são inofensivos como fantasmas e os esforços para espantar os compradores acaba em fracasso. E se o casal não fica apavavorado, Lydia Deitz (Winona Ryder), a excêntrica e dark filha deles, pode ver e falar com Barbara e Adam, que contratam os serviços de Beetlejuice (Michael Keaton), um “bio-exorcista”, para apavorar os moradores, apesar de sentirem simpatia por Lydia. Mas logo a situação foge do controle.
Eu adorei o filme, lembro de já ter visto ele na infância, mas não lembrava de todos os detalhes. Dei boas risadas com todo o elenco, sem falar da maquiagem que ficaram bem criativas e engraçadas!

Pretty In Pink (A Garota de Rosa-Shocking) 1986 – Andie (Molly Ringwald) é uma jovem de classe baixa na escola de Chicago, e costuma sair com sua antiga chefe e seu colega Duckie (Jon Cryer). Quando um dos estudantes mais ricos e populares da escola, Blane (Andrew McCarthy), convida Andie para sair, ela não acredita. Os dois iniciam um romance reprovado até por seus melhores amigos e enfrentam as barreiras de um relacionamento marcado pelas diferenças sociais.
Adoro esses romancezinhos dos anos 80, sem muita melação sabe? O Duckie é um personagem muito engraçado haha, na verdade todos os personagens tem o seu charme nesse longa. A trilha sonora é outro ponto positivo do filme, nos envolve completamente! Quem ainda não viu, veja, vale super a pena! ; )

Fluke (Lembranças de Outra Vida) 1995 – Thomas Johnson (Matthew Modine) é um homem obcecado por trabalho, que morre em um acidente e volta à vida no corpo de um cachorro. Relembrando quem era na vida passada, ele volta para sua mulher e filho para protegê-los do homem que causou o acidente. Através da vida de cachorro, ele se dá conta que não foi um pai tão bom assim.
Se você assim como eu, não tem estrutura emocional para filmes de cachorro, é bom nem ver, hahaha, brincadeira, vejam sim, mas reservem uma caixa de lencinhos do lado, pois nos primeiros 20 minutos do filme, as lágrimas vão rolar. Falo por experiência de manteiga derretida própria! hahaha
É lindinho e muito emocionante! ❤


Essa semana que passou fiquei bem chateada quando li a notícia sobre a morte de Dolores O’Riordan. Sou muito fã de The Cranberries, desde os 10 anos de idade mais ou menos, quando ouvia “Dreams” e “Linger” nos cds que tinha em casa. Fiz até um post outro dia falando sobre a banda aqui. É, infelizmente os bons se vão embora logo, Dolores se foi mas deixou sua marca registrada nesse mundão, com todos os seus sucessos, desde Cranberries até sua carreira solo.

…And we all will return to a better place…
(…E todos nós retornaremos para um lugar melhor…)

Obrigada e até a próxima!

Beijos, Carol.

2 comentários em “PAUSA PARA UM PAPINHO #8

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.